voltar ao início
Arquivo & Biblioteca

Cronologia


[registo específico]
Segunda-feira, 8 de Maio de 1944Greves e protestos

040293


Greves de 8 e 9 de Maio. Os principais problemas eram o aumento do custo de vida, em geral, e o início do racionamento do pão, em particular. Este movimento é organizado pelo Partido Comunista Português, à semelhança do que acontecera no ano anterior. Esta greve foi bem sucedida no corredor industrial da margem norte do Tejo e zonas rurais circundantes e no Ribatejo. A resposta do Governo, liderada por Botelho Moniz, foi bastante dura. Os grevistas despedidos só podiam ser readmitidos depois da autorização dada pelo Serviço de Mobilização, várias fábricas foram encerradas. São anunciadas prisões de proprietários, dirtectores e encarregados de fábricas que não tiveram uma atitude "enérgica" face aos grevistas. De notar a participação dos trabalhadores rurais neste movimento.

ano: 1944 | tema: Movimento Operário e Social
palavras-chave: Greves PCP Botelho Moniz 

voltar



Fundação Mário Soares
Rua de S. Bento, 176 - 1200-821 Lisboa, Portugal
Telefones: (+ 351) 21 396 41 79 | (+ 351) 21 396 41 85 | Fax: (+ 351) 21 396 4156
fms@fmsoares.pt | arquivo@fmsoares.pt | direccao.casa-museu@fmsoares.pt