voltar ao início
Arquivo & Biblioteca

Cronologia


[registo específico]
Quinta-feira, 16 de Março de 1916Governo de "União Sagrada"

039390


É constituído o governo dito de "União Sagrada". Embora a designação deste Executivo prometesse um largo espectro político partidário, à semelhança do que aconteceu na Europa, nomeadamente em França, a sua composição, no entanto, apenas incluía democráticos e evolucionistas e um independente, deixando de fora vários partidos do campo republicano, bem como católicos e monárquicos. Tinha, ainda assim, o apoio de unionistas e socialistas. A Presidência (acumulada com as Colónias) coube a António José de Almeida, líder do partido evolucionista, ficando os democráticos com as pastas chave: Finanças (Afonso Costa), Guerra (Norton de Matos), Estrangeiros (Augusto Soares). Para além destes, faziam parte do Ministério: António Pereira Reis com a pasta do Interior; Luís Augusto Pinto Mesquita de Carvalho, com a Justiça; Azevedo Coutinho com a Marinha; António Maria da Silva com o Fomento, pasta que transitou para Fernandes Costa; e Joaquim Pedro Martins com a Instrução. Pereira Reis cederia a pasta a outro independente, Brás Mouzinho de Albuquerque.

ano: 1916 | tema: Vida Política
palavras-chave: União Sagrada António José de Almeida Afonso Costa I Guerra Mundial 

voltar



Fundação Mário Soares
Rua de S. Bento, 176 - 1200-821 Lisboa, Portugal
Telefones: (+ 351) 21 396 41 79 | (+ 351) 21 396 41 85 | Fax: (+ 351) 21 396 4156
fms@fmsoares.pt | arquivo@fmsoares.pt | direccao.casa-museu@fmsoares.pt