voltar ao início
Arquivo & Biblioteca

Cronologia


[registo específico]
Segunda-feira, 15 de Dezembro de 1913Afonso Costa eleito para director da Faculdade de Direito de Lisboa

039091


Na sua primeira reunião, o Conselho Escolar da recém-criada Faculdade de Direito de Lisboa elege Afonso Costa para director. Esta faculdade era um projecto do Governo Provisório, muito embora a verba para a organização da Faculdade de Estudos Sociais e de Direito só fosse inserida no orçamento de Junho de 1913. A sua criação significa o fim da exclusividade do ensino de Direito da Universidade de Coimbra. O seu regulamento era semelhante ao de Coimbra, sendo aplicada a reforma dos assuntos jurídicos, de 1911, da autoria do Prof. Álvaro Machado Vilela. Os professores, escolhidos por concurso público, são Albino Vieira da Rocha, Fernando Emídio da Silva, José Ludgero Soares das Neves, António Abranches Ferrão e J.M. Vilhena Barbosa Magalhães. Basílio Teles foi convidado para reger uma cadeira, por iniciativa de Afonso Costa, mas rejeitou a proposta. De entre os excluídos contam-se Eurico Seabra e Carneiro de Moura. Artur Montenegro assume as funções de director interino. Em Janeiro de 1915, Afonso Costa é substituído por Barbosa de Magalhães.

ano: 1913 | tema: Ensino
palavras-chave: Afonso Costa Faculdade de Direito 

voltar



Fundação Mário Soares
Rua de S. Bento, 176 - 1200-821 Lisboa, Portugal
Telefones: (+ 351) 21 396 41 79 | (+ 351) 21 396 41 85 | Fax: (+ 351) 21 396 4156
fms@fmsoares.pt | direccao.casa-museu@fmsoares.pt